Geral

Com cidade tentando atrair LeBron, Lakers vencem os Cavaliers, que caem na tabela

Em noite memorável de Julius Randle e com Isaiah Thomas inspirado, Los Angeles se impõe em casa e faz 127 a 113 sobre o Cleveland, que cai para a quarta colocação no Leste

Após um torcedor espalhar outdoors pela cidade de Los Angeles tentando atrair LeBron, os Lakers apresentaram uma campanha ainda melhor na noite deste domingo. Com um ataque avassalador, o time californiano dominou o Cleveland Cavaliers e encerrou uma freguesia de sete jogos contra a equipe de King James conquistando vitória com autoridade em casa por 127 a 113 e mandando recado de que o futuro pode ser promissor em LA.

Julius Randle roubou os holofotes da partida, com 36 pontos – sua melhor marca na carreira. O ala-pivô ainda pegou 14 rebotes e distribuiu sete assistências. Trocado pelos Cavs em fevereiro, Isaiah Thomas também foi bem contra o ex-time e contribuiu com 20 pontos e nove assistências. O pivô Brook Lopez somou outros 22 pontos para os Lakers.

Após fazer um bom primeiro tempo, colocando os Cavs no jogo praticamente sozinho, LeBron James não conseguiu manter o ritmo na segunda etapa e terminou com 24 pontos e 10 rebotes. Mesmo com um média de quase triplo-duplo desde o retorno do All-Star Game, o astro não vem conseguindo impedir a instabilidade do time, que perdeu seis das últimas 10 partidas. O revés deste domingo custou a terceira colocação da Conferência Leste aos Cavaliers, que com campanha de 38 vitórias e 28 derrotas, foi ultrapassado pelo Indiana Pacers (39v, 28d).

Lakers no comando do início ao fim: jogando com muita intensidade, os Lakers assumiram o controle do jogo desde os primeiros minutos. Em grande fae, Lebron James carregou os Cavaliers com ajuda de Larry Nance Jr. e os visitantes conseguiram manter o equilíbrio no primeiro tempo, indo para o intervalo apenas cinco pontos atrás: 65 a 60.