Geral

Jornal: consórcio oferece à Fifa R$ 85,5 bilhões pelos direitos de duas competições

Presidente Gianni Infantino teria levado o assunto à reunião do Conselho da entidade

Um fundo de investidores que atua no Oriente Médio e na Ásia teria oferecido à Fifa a fortuna de U$ 25 bilhões (R$ 85,5 bilhões) pelos direitos de duas competições: o Mundial Interclubes e uma “liga global de seleções” – esse último, um torneio que ainda deve ser criado. As informações são do jornal norte-americano “The New York Times”.

De acordo com o diário, o presidente Gianni Infantino teria levado o assunto à reunião do Conselho realizada no mês passado em Bogotá, na Colômbia. A identidade dos investidores não foi divulgada no encontro, mas Infantino informou que havia a necessidade de uma resposta rápida.

A notícia conta que o Conselho rejeitou a proposta por causa da excassez de informações, mas só o fato de ter levado a oferta adiante mostra o atual estado de instabilidade da Fifa. Seria inédito o caso da entidade vender os direitos de um evento para investidores.