Geral

Suplentes da seleção brasileira na Copa poderão ser convocados sem saber

Novo regulamento diz que Fifa só pode divulgar pré-inscritos com permissão das confederações. CBF pretende manter nomes em sigilo, até para os próprios jogadores

No dia 14 de maio, a CBF vai enviar à Fifa uma lista de no mínimo 30 e no máximo 35 jogadores pré-inscritos pela seleção brasileira na Copa do Mundo. Nessa mesma data, às 14h, Tite vai anunciar os 23 escolhidos para buscarem o hexacampeonato na Rússia. Os outros, suplentes, provavelmente não serão divulgados. Talvez, nem fiquem sabendo que seus nomes estarão na Fifa.

Essa primeira relação, com mais atletas, é praxe nos Mundiais, mas a edição de 2018 tem duas novidades nesse item do regulamento: